Formulário + Botão Guia+ Desktop

Formulário + Botão Guia+ Mobile

Volta da Gersa: Políticos brigam para ser o pai da criança

Reunião para discutir a reativação da Gersa de Canoinhas/Sérgio Teixeira/Divulgação

Edinei Wassoaski analisa discursos políticos sobre drama canoinhense                     

 

Prefeito Beto Passos (PSD) está certo e errado ao criticar gente que politizou o fechamento da Gerência de Saúde de Canoinhas (Gersa). Certo porque o assunto, de fato, politizou. Errado porque não há outra maneira de se tratar o assunto a não ser na esfera política.

 

 

Na quinta-feira, 5, na tensa reunião para “reativação”  da Gersa, até o deputado Kennedy Nunnes (oi?) apareceu no meio da conversa. Reivindicava a paternidade de um filho batizado com diferentes filiações. Começou pelo vereador Paulinho Basilio (MDB), que disparou ligações na noite desta quarta avisando que o deputado federal Mauro Mariani (MDB) havia convencido o secretário de Estado da Saúde, Acélio Casagrande, a reabrir a unidade. Abel Schroeder, secretário regional de Mafra, que veio três vezes a Canoinhas nas últimas semanas – uma para fechar, outra para ceder os servidores para o Município e agora para reabrir a Gersa – falou em tom solene, ontem, sobre a necessidade de se manter a repartição.

 

 

     Antes, vice-prefeito Renato Pike (PR) tratou de somar para seu time. Segundo ele, antes de o vereador Paulinho anunciar aos quatro ventos que Mariani tinha liquidado a fatura, deputado Antonio Aguiar já havia adiantado a reabertura. Ao neopeesedista, prefeito Beto Passos juntou o deputado Darci de Matos (PSD).

 

 

    De todas as falas de ontem, a mais sensata foi a da secretária de Saúde de Canoinhas, Zenici Dreher: “É lamentável que se faça tantas reuniões para traçar estratégias para a Saúde e o fechamento de um órgão tão importante como a Gersa ser definida por critérios meramente políticos. Desviou-se o foco da Saúde para decisões meramente políticas.”

 

 

     À fala da secretária, acrescentaria que, como bem lembrou o vereador Mario Erzinger (PR), enquanto não se tem revogado o decreto que fechou a Gersa, nada pode ser dado como certo. “Ainda estamos pagando para ver”, disse Erzinger.

 

A PROPÓSITO: Servidores da Gersa foram à reunião de quinta-feira usando jalecos da Prefeitura de Canoinhas. Muitas diziam que como as portarias já foram assinadas, não pretendem retornar para a Gersa pelo menos até o fim do ano. O ceticismo com o tom político da reunião as deixou sem esperança.

 

 

 

Schiefler no circuito

Juiz do Conselho Nacional de Justiça, Dr Márcio Schiefler Fontes prometeu aos vereadores de Canoinhas ajudar a resolver o dilema da falta de médico perito em Canoinhas. Ele telefonou para o vereador Paulo Glinski (PSD) e prometeu ajudar. Num primeiro momento, ele quer entender o porquê de a cidade estar há mais de um ano sem o serviço e, num segundo momento, ver como ele pode ajudar. Schiefler trabalhou por dois anos em Canoinhas.     Nesta semana ele foi nomeado pelo ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, titular do Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária.

 

 

 

TROCA DE COMANDO

Prefeito Beto Passos (PSD) reassumiu o Executivo nesta semana depois de um mês de férias. Renato Pike (PR) destacou avanços na área de infraestrutura e Saúde durante o período em que esteve à frente do Município. Falando nisso, se o povão faz fila para conversar com Passos, durante a interinidade de Renato Pike (PR) a fila foi de empreiteiros.

 

Pensão polêmica

O deputado estadual Padre Pedro Baldissera (PT) promete entrar, na próxima semana, com uma ação popular no Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ-SC) pedindo uma liminar para suspender imediatamente o pagamento das aposentadorias aos ex-governadores pelo governo do Estado.

 

Os depósitos continuam ocorrendo, mesmo com a extinção do artigo que previa as pensões aprovada pela Assembleia Legislativa no ano passado.



 

A emenda ao texto constitucional catarinense foi sancionada ainda em dezembro, mas já naquela época o governo afirmava que continuaria pagando as aposentadorias a quem já as recebia.

 

 

 

“Estamos muito melhor do que Mafra”

do prefeito Beto Passos (PSD), comparando as duas cidades em reunião para discutir porque Canoinhas perdeu a Gersa e Mafra não

 

 

BOAS NOVAS: Presidente da Acic, Alfredo Scultetus, vereador Mario, Reinaldo de Lima Jr, Pike e vereadora Norma Pereira à espera de respostas ontem na Gersa de Canoinhas.

 

Prova real

Na audiência pública sobre os serviços de telefonia móvel, na semana passada, o representante da Anatel não conseguiu acessar o site da própria entidade. Motivo: internet fraca.

 

 

RÁPIDAS

MODERNO: O Município de Canoinhas comprou por meio de licitação, 80 tablets para as equipes de saúde da família.

 

MÃO ÚNICA: O Tribunal de Contas do Estado suspendeu cautelarmente pregão para a compra de um carro para a Câmara de Três Barras. Há indícios de direcionamento.

 

BOLA DE CRISTAL: Vereador Célio Galeski (PR) desejou sucesso a Beto Passos “nos próximos quatro anos de governo”.

 

FUTURO: Paulo Glinski não perdeu a chance de chamá-lo de “vidente”, prevendo um eventual segundo mandato para Passos.

 

44: é o número de deputados federais que trocaram de legenda aproveitando a janela de um mês para troca de partido sem perda de mandato.

 

6:  deputados federais foram atraídos pelo DEM, partido do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, pré-candidato à Presidência.

 

31: deputados estaduais de SC vão concorrer à reeleição, cinco vão tentar uma vaga na Câmara Federal e um no Senado. Gelson Merisio é pré-candidato ao Governo.

 

30%: foi quanto aumento o número de denúncias ao MPSC em 2017.

 

 

 

Deixe Seu Comentário