Formulário + Botão Guia+ Desktop

Formulário + Botão Guia+ Mobile

Três Barras recebe cinema itinerante nesta semana

Evento do Cinesolar/Israel Barreto

Projeto de cinema itinerante utiliza energia solar para exibir filmes                                 

 

Três Barras recebe nesta semana um cinema itinerante, projeto da Brazucah Produções em parceria com a empresa WestRock, que leva a diversas cidades do País eventos instigantes das séries Cinesolar, Cine Autorama e CineB. Na quarta e quinta-feira, dias 16 e 17, acontece mais um evento da Temporada WestRock do Cinesolarzinho que, como o próprio nome sugere, é uma versão para crianças do Cinesolar, projeto de cinema itinerante que utiliza energia solar para exibir filmes.

 

 

Equipado com placas solares e um sistema conversor de energia, um veículo viaja por várias regiões para realizar sessões gratuitas de cinema. A ideia é democratizar o acesso às produções audiovisuais e promover ações sustentáveis através do projeto.

 

 

O projeto utiliza energia limpa e renovável para exibições de filmes, unindo arte, cinema e sustentabilidade. No interior do veículo, há cerca de 100 assentos para o público, telão com metragem de 200 polegadas, sistema de projeção e som e até um estúdio de gravação. Quando chegam às cidades tudo é retirado do veículo e o cinema é montado em lugares como praças públicas e quadras esportivas.

 

 

Em cada evento serão exibidas duas programações de curtas- metragens, voltadas para as crianças e toda a família, de cerca de uma hora cada uma delas,  sempre com entrada franca e a participação de um apresentador que fará a mediação entre os filmes e o público. Neste primeiro ano, com o patrocínio da WestRock serão visitadas seis cidades de quatro estados do País  (duas em Santa Catarina e Paraná e uma em São Paulo e Ceará). Na maioria das cidades acontecem também Oficinas de Cinema (Oficinemas Solares). No período da manhã ou à tarde, além de participarem de uma introdução ao audiovisual, as crianças produzirão um curta-metragem, que é exibido à noite, junto com os outros curtas da programação.

 

 

Durante os eventos acontece também a Eco Estúdio Solar – exposição tecnológica sustentável. Dentro do veículo, infográficos e monitores mostram como funciona o carro e são passadas informações sobre os princípios básicos da energia solar (por exemplo: como a energia solar se transforma em energia elétrica). Além disso, são mostrados produtos de sustentabilidade e tecnologias renováveis, com aplicações práticas no dia-a-dia, como um instigante relógio de batatas.

 

 

 Tanto no dia 16 quanto no 17 de maio, o Cinesolarzinho acontece em dois horários, às 19h e às 20h30. Na quarta-feira, será na avenida Rigesa, ao lado da loja LK, no km2. Em caso de chuva será no Ginásio Ione Cyriaco, também no Km2. Já na quinta-feira, o evento está programado para o estacionamento do Centro de Convenções Vereador Milton Miguel, que fica na avenida Abrão Mussi, no distrito de São Cristóvão. Em caso de chuva,  será no Auditório do Centro de Convenções Vereador Milton Miguel. As entradas para as sessões de cinema são gratuitas e abertas a todos. Já a Oficina de Cinema acontecerá “apenas” no dia 16, das 14h às 17h, e são voltadas a alunos de escolas da região.

 

 

Durante os eventos acontece também a Eco Estúdio Solar – exposição tecnológica sustentável. Dentro do veículo, infográficos e monitores mostram como funciona o carro e são passadas informações sobre os princípios básicos da energia solar (por exemplo: como a energia solar se transforma em energia elétrica). Além disso, são mostrados produtos de sustentabilidade e tecnologias renováveis, com aplicações práticas no dia a dia, como um instigante relógio de batatas.

 

 

De acordo com Cynthia Wolgien, gerente de Comunicação Corporativa e Responsabilidade Social da WestRock, o objetivo do Cinesolar e, agora, do Cinesolarzinho, é democratizar o acesso às produções audiovisuais e promover ações sustentáveis. O projeto utiliza energia limpa e renovável para exibições de filmes, unindo arte, cinema e sustentabilidade. Tudo funciona a partir de um veículo equipado com placas solares com autonomia de mais de 20 horas, que possibilitam, através de um sistema conversor de energia solar para elétrica, a exibição de filmes e apresentações artísticas. No interior do veículo, há assentos para o público e telão com metragem de 200 polegadas (que são levados para fora para a montagem da ‘sala de cinema’), além de sistema de projeção e até um EcoVJ.  “Quando chegam às cidades tudo é retirado do veículo e o cinema é montado em lugares como praças públicas e quadras esportivas, principalmente em regiões ‘carentes’, como comunidades, aldeias indígenas e até mesmo cidades que não têm energia elétrica.  Muitos destes municípios não contam com cinema e diversos espectadores tiveram a primeira experiência com a sétima arte através do Cinesolar, o que deve acontecer ainda mais no Cinesolarzinho”, diz Cynthia, que acrescenta: “o novo projeto atenderá principalmente as crianças do nosso País. Pensar o futuro do Brasil é pensar em ações que impactem o imaginário infantil e que que possam dialogar também com os adultos que estarão nessas atividades com seus, filhos, sobrinhos e netos”.

 

 

 “A proposta de um cinema itinerante, movido a energia solar e dirigido ao público infantil, proporciona às crianças e às suas famílias uma experiência inesquecível de acesso à cultura, por meio de uma atividade de lazer. A WestRock se orgulha de apoiar um projeto que retoma a tradição de artistas itinerantes de nosso país e que mostra, com aplicação de energia solar, um futuro mais sustentável. É muito gratificante apoiar uma ação destas, com benefícios intangíveis para todos nós. Além disso, o Cinesolarzinho é uma iniciativa que concretiza, de modo exemplar, os valores de Integridade, Respeito, Responsabilidade e Excelência, que norteiam como agimos em todas nossas relações, inclusive com as comunidades em que atuamos!”, resume Cynthia.

Deixe Seu Comentário