Setor ervateiro é homenageado pela Câmara de Canoinhas

Coronel Mario com representantes da Epagri em frente ao memorial/Fotos: Sérgio Teixeira/Divulgação

Durante a homenagem foi inaugurado o Memorial do Setor Ervateiro                            

 

Muita emoção foi vivida na noite desta terça-feira, 26, na Câmara de Vereadores de Canoinhas. Foi inaugurado o Memorial do Setor Ervateiro, resgatando a história da erva-mate e também pessoas e empresas que contribuíram e contribuem com o setor foram homenageadas.

 

 


A Sessão Solene foi realizada em parceria entre a Câmara de Vereadores, Sindimate e da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (Epagri) de Canoinhas. O Memorial do Setor Ervateiro foi realizado conforme proposição do presidente da Câmara de Vereadores, Coronel Mário Renato Erzinger (PR), aprovada por unanimidade por todos os vereadores.

 

 

O trabalho foi desenvolvido pelos pesquisadores da Epagri Canoinhas, Adriano Martinho de Souza, Gilcimar Adriano Voigt, Gilberto Neppel, Gilson José Marcinichen Gallotti, e pela pesquisadora Viviane Bueno.

 

 

As imagens do Memorial são de Fernando Tokarski, Joel Bojarski, Luis Mário Dranka, Juliane Seleme, Denilson Dortzbach e do arquivo histórico de Canoinhas, com colaboração de Wilson Seleme, José João Klempous, Sindimate e Aspromate.

 

 

Homenageados

ERVATEIRA SELEME: pelos 100 anos de atuação em Canoinhas, a empresa está entre as cinco maiores exportadoras de erva-mate do país. Wilson Seleme, proprietário da empresa, recebeu a Comenda “Amigo de Canoinhas” das mãos do presidente da Câmara, Coronel Mário Renato Erzinger (PR) e do prefeito de Canoinhas, Gilberto dos Passos.

 

 

Moções de Parabenização

Ervateira Baldo: Paulo Baldo recebeu a moção do vereador Célio Galeski (PR)

 

 

Ervateira Bonetes: Raianny Fátima Oliveira recebeu moção da vereadora Camila Lima (MDB)

 

Ervateira Dranka: Mário Francisco Dranka, entregue pelo vereador Chico Mineiro (PR)

 

Ervateira Kohler: Eduarda Kohler recebeu a moção do vereador Edmilson Verka (PR)

 

Ervateira Selecta: Rodrigo Linzmeier recebeu moção do vereador Paulinho Basílio (MDB)

 

Ervateira Timbó: Patrick Linzmeier, entregue pelo vereador Coronel Mário Renato Erzinger (PR)

 



Ervateira Alan Kohler: recebeu a moção da vereadora Norma Pereira (PSDB)

 

Cooperativa dos Produtores de Mate Canoinhas: José João Klempous recebeu moção da vereadora Telma Bley (MDB)

 

Ervateira Yacuy: Thiago Gomes Fuck, entregue pelo vereador Wilmar Sudoski (PSD)

 

Ervateira Delby Machado & Cia Lta: Delby José Machado Filho recebeu moção do vereador Coronel Mário Renato Erzinger (PR)

 

Ervateira Prust: Edgar Prust recebeu moção de parabenização da vereadora Camila Lima (MDB)

 

 

DISCURSOS

Emocionada, a presidente do Sindimate, Juliane Seleme destacou “a linda homenagem à segunda, terceira geração de todas as ervateiras presentes no evento, inclusive presença de mulheres, mostrando a inovação no setor, destacando também que o setor ervateiro trouxe a luz para cidade, movimentando a economia. Todo setor ervateiro se sente muito honrado com esta homenagem, afinal, a erva-mate é um patrimônio para cidade”, disse.

 

 

Juliane também destacou que Canoinhas conta hoje com 13 ervateiras, sendo a cidade catarinense com o maior número de empresas ervateiras, e para alimentar o setor são diversos profissionais que trabalham, incluindo viveiristas, agricultores, transportadores, mecânicos, eletricistas, entre outras profissões. Foram citadas as parcerias de trabalho com o Ibama, Cidasc, Fatma, Epagri, Prefeitura, Corpo de Bombeiros, entre outras.

 

 

“Nesse cenário, Canoinhas tem a maior cadeia produtiva de erva-mate do país, com mais de 400 empregos diretos e 3 mil indiretos, e mais de 2 mil famílias de agricultores trabalhando na colheita, que é manual”. A presidente do Sindimate ainda destacou que o município é um dos poucos que têm fonte de renda no inverno e que acolhe todas as mãos de obra das safras de verão, gerando renda não só para o interior, mas também para o comércio. “Direta ou indiretamente, todo o município de Canoinhas se beneficia do setor ervateiro”, concluiu Juliane.

 

 

Deputado estadual e também presidente da Frente Parlamentar da Erva-Mate, Antônio Aguiar (PSD) disse que “desde o início da minha legislatura incentivei os produtores, criando a lei de incentivo à erva-mate para o estado de Santa Catarina, sempre atuando com firmeza e os representando e lutando por seus direitos, incluindo o incentivo fiscal do governo, e quero lutar muito mais por todos, por minha terra”.

 

 

Prefeito de Canoinhas, Gilberto dos Passos (PSD) destacou que os empresários do setor ervateiro ajudaram a construir além dos postos de trabalho e geração de renda, uma Canoinhas de gente amiga. “Através das rodas de chimarrão firmamos grandes amizades, tornando-se referência em todas as cidades do estado e também no país como a terra da erva-mate”. Passos ainda destacou a Fesmate, que fomenta ainda mais a comercialização da erva-mate e movimenta todo comércio do município, segundo ele.

 

 

Presidente da Câmara, Coronel Mário Renato Erzinger (PR) encerrou a noite destacando ao público presente que preservar a memória é fundamental para qualquer comunidade e não existe futuro para um povo que não preserva a sua história. “Foi com este objetivo que formulei um requerimento no ano passado aprovado por todos os vereadores, para edificarmos nesta casa do povo, o Memorial do Setor Ervateiro, dada importância histórica, cultura, social e econômica no município”, frisou.

 

 

Em seguida, autoridades, empresários e comunidade participaram do descerramento do Memorial do Setor Ervateiro, que fica no hall da Câmara de Vereadores, aberto à visitação de toda comunidade.

Deixe seu comentário:

Top