Formulário + Botão Guia+ Desktop

Formulário + Botão Guia+ Mobile

Procon lista empresas que mais recebem reclamações em SC

Reprodução

Os serviços de telefonia lideram a relação de atendimentos                                              

 

O Procon catarinense atendeu, em 2017, 20.541 consumidores e conseguiu resolver 97% dos casos. Os serviços de telefonia lideram a relação de atendimentos: foram 4.182 relacionados à telefonia celular e 1.848 problemas de telefonia fixa atendidos pelo Procon SC. Em terceiro lugar aparecem as operadoras de cartão de crédito, com 1.379 atendimentos.

 

 

Para que a população saiba que empresas foram causadoras do maior número de reclamações não resolvidas, o Procon SC disponibiliza anualmente o Cadastro de Reclamações Fundamentadas. O Cadastro é a reunião das reclamações que, após análise do órgão de defesa do consumidor, devem ser registradas e divulgadas, conforme previsto no Código de Defesa do Consumidor. Nesse documento, são apresentadas apenas as reclamações que não são resolvidas no atendimento preliminar, seja por telefone ou presencial.

 

 

Em relação às reclamações fundamentadas, o relatório mostra que foram 617 em 2017, 60,67% a mais que o ano anterior, quando foram registradas 384. No topo da lista, mais uma vez, estão as operadoras de telefonia, com 304 reclamações. “Entre as 10 empresas mais demandadas, a gente teve as quatro empresas de telefonia, três instituições bancárias e outras duas empresas de outros setores. A telefonia representa, sem dúvida, a nossa maior demanda”, destacou o diretor do Procon-SC, Michael da Silva.



 

 

Apesar de ainda ser alto o número total de reclamações (20.541), Michael explicou que ele apresentou queda em 2017, comparado ao ano anterior, devido ao lançamento do novo site. “Nesse site, é possível o consumidor acessar pelo seu celular smartphone e registrar a reclamação. Ele é ligado a todos os Procons do Brasil e reduziu bastante os nossos atendimentos, principalmente por telefone”.

 

 

O Procon estadual está localizado em Florianópolis, mas atende cidadãos de qualquer cidade do Estado. Já os Procons municipais atendem apenas moradores da cidade em que estão instalados ou onde ocorreu o caso que gerou a reclamação do usuário. Para moradores de cidades onde não há Procon, ou para pessoas que não tenham condições de se deslocar, basta acessar o site www.consumidor.gov.br e registrar a queixa.

 

 

Além do site do Procon, o órgão oferece um outro site para tirar dúvidas sobre os direitos do consumidor no endereço http://proconresponde.sc.gov.br/.

Deixe Seu Comentário