Formulário + Botão Guia+ Desktop

Formulário + Botão Guia+ Mobile

Prefeitura de Canoinhas aumenta folha em quase R$ 1 milhão em benefícios

Plasticine businessman figure running upstairs the stacks of coins

Plus foi concedido pelo vice-prefeito Wilson Pereira (PMDB) em janeiro deste ano, quando Beto Faria estava em férias; justificativa é de não perder bons servidores                                                            

 

Nas férias de Beto Faria (PMDB) em janeiro deste ano, o prefeito em exercício, Wilson Pereira (PMDB), abriu um saco de bondades para o funcionalismo público que inchou em R$ 816 mil a folha de pagamento do Município de janeiro para fevereiro. Até então, 85 servidores recebiam um acréscimo de 30% sobre o salário para exercer cargos que exigiam dedicação exclusiva, inclusive fora do horário de trabalho. É o caso, por exemplo, de motoristas, que saem cedo em viagem e que não têm hora para voltar, dependendo de fatores como o movimento do trânsito, por exemplo. Dessa forma, evita-se o pagamento de horas-extras, inclusive.

Pois bem, em janeiro, de uma tacada só, Pereira aumentou esse contingente para 278 servidores, 193 a mais, incluindo secretários municipais que se descompatibilizaram para concorrer nas eleições de outubro. Em termos de valores absolutos, a folha de pagamento passou de R$ 2.652.912 para R$ 3.468.828 brutos de janeiro para fevereiro. Em junho, a folha alcançou R$ 3.790.166.

Questionado sobre a bondade, Pereira diz que o benefício foi concedido a pessoas que fizeram por merecer e que só foi autorizado porque o Município está com as contas em dia e dentro da Lei de Responsabilidade Fiscal. O limite prudencial de gastos com o funcionalismo é de 51,3%, o máximo é de 54%. Canoinhas, no entanto, está em 50%.

Ainda de acordo com Pereira, o plus é uma forma de manter bons profissionais que, porventura tenham recebido proposta de trabalho com salário mais atraente que o que o Município oferece. “Para não perdermos um bom funcionário, recorremos a isso”, afirma. Pereira garante, também, que o próximo prefeito não precisa manter o benefício. “Inclusive se o funcionário não corresponder às expectativas, nós mesmos podemos retirar o benefício a qualquer momento”, garante.

 

Crise na segurança

Autoridades não confirmam, mas tudo leva a crer que dentro em breve a Polícia Militar vai deixar de fazer rondas a fim de economizar combustível. Só em Canoinhas, o Governo do Estado já reduziu em R$ 60 mil a verba para combustíveis, isso com o preço da gasolina pelas tampas. A solução não pode ser outra senão restringir o deslocamento a chamados via 190.

 

 

coluna menorO cara

Presidente da Câmara de Três Barras, Joel da Cruz (DEM) é o recordista de diárias (R$ 12,1 mil só neste ano). Mas isso não é novidade. A novidade é que o assessor especial da Câmara, Ademar de Oliveira Cantovik, que tira foto no espelho pra postar no Facebook, torrou R$ 8,3 mil em diárias só neste ano. Figura imprescindível para a busca por benefícios para Três Barras, a julgar pelas andanças, Cantovik visita gabinetes e participa de eventos como um curso de “Urgências Legislativas”, ocorrido em fevereiro em Brasília. É o segundo que mais recebe diárias, perdendo, claro, somente para Cruz. Na foto, os dois, em Brasília, com o senador Romário.

 

 

Bela Vista do Toldo

Carlinhos Schiessel (PSD) negou que será vice de Adelmo Alberti (PSDB) na disputa pela prefeitura de Bela Vista do Toldo. “Sou pré-candidato a prefeito e não há o que mude isso”, garantiu à coluna. Sobre Alberti, Schiessl diz que está aguardando o tucano cumprir a promessa de 2012, quando pediu que o PSD apoiasse a candidatura de Maria Lessak prometendo, em troca, o apoio do PSDB à candidatura de Schiessl a prefeito neste ano. Mesmo que Alberti não cumpra o prometido, Schiessl garante que é candidato a prefeito.

 

 

  “Espero ele cumprir a palavra dele. Palavra vale mais que papel

do pré-candidato a prefeito de Bela Vista do Toldo, Carlinhos Schiessl (PSD), cobrando o prometido por Adelmo Alberti (PSDB) na eleição anterior

 



RÁPIDAS

A ESCOLHA: Amanhã tem mais uma rodada de negociações dentro do PR. Renato Pike ainda não decidiu para que lado vai.

 

BEM NA FOTO: Carlinhos Schiessl (PSD) diz que tem bom diálogo com pelo menos 10 partidos de Bela Vista do Toldo. Antonio de Lima (PSC), Élcio Magalhães (PR) e Dalvan Mitzva (PT) podem ser seu vice.

 

QUARTA VIA: O vice-prefeito Eraldo Schiessl (PP) não descarta disputar a prefeitura na cabeça.

 

UM TERÇO: dos prefeitos aptos a disputar a reeleição devem declinar da possibilidade, segundo levantamento da Confederação Nacional dos Municípios.

 

LADEIRA ABAIXO: A média das últimas eleições foi de 65% dos prefeitos se candidatando a reeleição. Neste ano este percentual deve cair para 30%.

 

PRESTÍGIO: Deputado federal Mauro Mariani (PMDB) foi recebido pelo presidente em exercício Michel Temer (PMDB) nesta semana.

 

DILMA VIVE!: Aliás, petistas de Canoinhas ficaram furiosos com o nome de Temer como “presidente” tão-somente na placa inaugural da Unidade de Pronto Atendimento.

 

QUELUZ: Para quem pergunta sobre o cinema de Canoinhas, aguarde, vem boas notícias por aí.

 

PAZ: Beto Faria se encontrou com Beto Passos nesta semana e propôs uma campanha de paz. Passos concordou.

 

Deixe Seu Comentário