Mulher capota veículo na SC-477

Divulgação

Filha da vítima sofreu grave acidente na rodovia em agosto de 2015                                  

 

Elenita Vipich, 48 anos, é uma das maiores críticas da má conservação da SC-477, rodovia que liga Canoinhas à BR-116. Ficou ainda mais indignada quando sua filha, Ana Carolina Guimarães, sofreu um grave acidente na rodovia. Ana retornava de Papanduva quando colidiu o Uno que dirigia contra um Gol conduzido por  João Antonio Cubas. Fotos comprovam que Ana Carolina freou bruscamente depois de ter caído dentro de um buraco na rodovia. Pelas fotos é possível perceber que a marca de frenagem mostra que a roda dianteira acertou o buraco, quebrando a barra de direção do veículo e, na sequência, a motorista perdeu o controle invadindo a pista contrária vindo a se chocar contra o Gol, cujo motorista não conseguiu evitar a colisão. Ana ficou em coma por mais de um mês por causa do acidente.

 

O acidente com Ana aconteceu em agosto de 2015.


 

Na noite desta segunda-feira, 16, quase três anos depois, Elenita foi vítima de um acidente na rodovia. Ela ia para Arroios, onde mora, quando em uma curva encontrou um caminhão com luz alta vindo na pista contrária que a cegou momentaneamente e ela acabou indo parar no acostamento, capotando o veículo. Elenita e um passageiro nada sofreram. Já o carro teve perda total.



 

Os bombeiros de Canoinhas estiveram no local para prestar atendimento ao casal.

 

 

 

Deixe Seu Comentário