Formulário + Botão Guia+ Desktop

Formulário + Botão Guia+ Mobile

Moradores protestam contra falta de segurança em rodovia

Placa instalada por moradores na rodovia/Fátima Santos

Protesto focou no acidente que tirou a vida de duas pessoas há duas semanas                                                   

 

Pelo menos 200 pessoas participaram de um protesto na noite desta quinta-feira, 14, na rodovia Wendelim Metzger, que liga o centro de Canoinhas ao distrito de Marcílio Dias. O protesto foi acompanhado pelo prefeito Beto Passos (PSD) e pelos vereadores Telma Bley (PMDB) e Coronel Mário Erzinger (PR). “Vamos melhorar a sinalização, mas buscando a compreensão de que a maioria dos acidentes aconteceu não por falta de sinalização, mas por imprudência. Essa é uma via para 40 a 60km/h no máximo, mas moradores nos relatam que há motoristas que passam aqui a 100 km/h. Isso é completamente inviável”, afirmou.

 

Vereadora Telma frisou que não estava lá no papel de política, mas como alguém que tem parentes morando em Marcílio Dias e se sente apreensiva com o perigo que a rodovia representa. “Isso aqui virou uma pista de corrida”, afirmou, dizendo que não se pode culpar o poder público, muito menos a Universidade do Contestado (UnC), mas que uma sucessão de decisões equivocadas aumentou o perigo na rodovia. Ela se referia ao fato de a UnC estar migrando praticamente todos os cursos oferecidos para a unidade de Marcílio Dias, o que aumenta substancialmente o fluxo de veículos no horário de aula.

 

O acidente que vitimou Josiane Ramthum, 40 anos, foi justamente provocado por um estudante da UnC que vinha de Marcílio Dias para o centro. Ela dirigia um Voyage, placas de Canoinhas, que colidiu frontalmente contra a Saveiro, placas de Canoinhas, que era conduzida por  Luis Eduardo Stange, 19 anos. Ele invadiu a pista de Josiane batendo frontalmente contra o Voyage. Com a batida, o lado do motorista onde Josiane estava foi o mais impactado, assim como o lado onde estava o carona da Saveiro, Alisson Martins Correa, 18 anos, que morreria dois dias depois. Stange sofreu fraturas múltiplas nas pernas e teve muito sangramento. Ele está se recuperando em Joinville.

 

VEJA FOTOS DA FOTÓGRAFA FÁTIMA SANTOS

« 1 de 2 »

 

Para lembrar o acidente, moradores instalaram uma placa na margem esquerda da rodovia. Na placa, uma foto de Josiane sorridente e a seguinte frase: “Está vendo este sorriso? Não basta conquistar o sucesso, se você não respeita a vida dos outros.”

 

“Se cada um fazer a sua parte, população e poder público, teremos um trânsito melhor”, finalizou Passos.

 

ASSISTA O VÍDEO FEITO PELO RADIALISTA SÉRGIO MOREIRA

Deixe Seu Comentário