Fruticultores promovem encontro em Monte Castelo

Divulgação

O evento teve como objetivos contribuir com atualização e troca de informações entre fruticultores, técnicos, estudantes e demais instituições integrantes do agronegócio

 

A Epagri, Prefeitura de Monte Castelo e a Cooperativa de Fruticultores do Planalto Norte Catarinense (Cooperpomares) promoveram, na quinta-feira, 10, o 3º Encontro Regional de Fruticultura do Planalto Norte Catarinense, no auditório da Cooperpomares, em Monte Castelo.

 

 


O evento teve como objetivos contribuir com atualização e troca de informações entre fruticultores, técnicos, estudantes e demais instituições integrantes do agronegócio da fruticultura de clima temperado, mostrando que a fruticultura é uma alternativa de renda viável a pequenos e médios agricultores do Planalto Norte Catarinense.

 

 

Os temas abordados pela manhã começaram com as perspectivas de mercado para a fruticultura de clima temperado, com o engenheiro agrônomo José Luiz Petri,  pesquisador da Estação Experimental da Epagri de Caçador. Seguiu com o uso de semiquímicos no controle de pragas na fruticultura temperada com o engenheiro agrônomo Dr. Rafael Borges, da ISCA Tecnologia. Na sequência, tecnologia de aplicação de produtos fitossanitários em pomares, apresentada pelo engenheiro agrônomo Arlindo Rech Filho, extensionista rural da Epagri de Videira.

 



 

No período da tarde os temas abordados foram as variedades de citrus com potencial de cultivo no planalto norte catarinense, com o engenheiro agrônomo Janio José Seccon, da Gerência Regional da Epagri de Canoinhas e responsável pelo programa de fruticultura na região; variedades de videiras com potencial de cultivo no planalto norte catarinense, com o engenheiro agrônomo Dr. Nelson Pires Feldberg, pesquisador da Embrapa de Canoinhas; e programas governamentais para fruticultura, com o engenheiro agrônomo Josinei Antonio Tissi, extensionista rural da Epagri de Monte Castelo. O Encontro foi encerrado com a visita na área de classificação e armazenamento de frutas da Cooperpomares.

 

 

Conforme o fruticultor Augusto Zanellato, da comunidade do Verde, o evento foi muito importante, pois todas as palestras foram muito interessantes e possíveis de colocar em prática na propriedade.

 

 

O público do evento foi formado entre produtores, estudantes e técnicos de empresas ligadas ao setor da fruticultura do Planalto Norte, Alto Vale do Itajaí e também do Sul do Paraná.

Deixe seu comentário:

Top