Formulário + Botão Guia+ Desktop

Formulário + Botão Guia+ Mobile

Como garantir o cuidado dos pneus e evitar acidentes

Divulgação

Se o volante estiver trepidando ou direção puxando para os lados, faça uma revisão o quanto antes

 

Maio é o mês dedicado à atenção no trânsito. Mais do que adotar a direção defensiva, não beber antes de dirigir e respeitar as leis, a campanha Maio Amarelo busca alertar também para os cuidados com os veículos. Condutores devem estar atentos sempre à manutenção dos seus carros para garantir que eles estejam em perfeito estado de circulação. Um dos focos de cuidado deve estar nos pneus.  Cláudio Pereira, Gerente da Boss Pneus, selecionou algumas dicas para aumentar a vida útil das quatro peças automotivas e evitar acidentes:

 

 


 

– Em caso de carros de passeio e caminhonetes, recomendamos seguir a pressão indicada pelo fabricante do veículo. Essa informação é encontrada no manual do carro;

 

 

 

– Para Vans e Utilitários, recomendamos falar com um de nossos técnicos, para que seja possível avaliar a sua utilização e definir a pressão ideal para o pneu;

 

 

 

– Conferir a pressão, e corrigir se necessário, a cada 15 dias, com os pneus frios. Ao rodar com o veículo, os pneus esquentam e o ar comprimido se expande, fazendo com que a pressão aferida nessa situação aparente não seja a correta;

 

 

 

– Não se esquecer de também calibrar o estepe, pois ele também perde pressão com o tempo, e muitas vezes quando é necessário utilizá-lo, ele está com a pressão tão baixa (murcho) que não é possível ser usá-lo;

 

 



 

– Sobre o rodízio dos pneus é recomendado que seja realizado ao menos a cada 10 mil quilômetros, aproveitando a ocasião para verificar também o balanceamento dos pneus e a geometria do veículo;

 

 

 

– Evite frenagens e acelerações bruscas. E incorpore o hábito da direção econômica e segura como, por exemplo, ao ver que um semáforo está fechado, já reduza a velocidade, desacelerando o veículo. Com este hábito, além de economizar nos pneus, é possível evitar gastar mais combustível, freios e outros componentes. Além disso, a prática também gera uma sensação de segurança e conforto;

 

 

 

– Parece óbvio, mas é importante frisar: evite buracos. Eles são os principais causadores de danos irreversíveis nos pneus, como bolhas por exemplo. Em dias de chuva, essa situação fica ainda pior, exigindo uma atenção maior do condutor do veículo;

 

 

 

– Caso tenha comprado os pneus para utilização futura, mantenha-os guardados em um local seco, coberto, longe de lubrificantes ou qualquer produto que tenha como base de fabricação o petróleo;

 

 

 

– Fique sempre atento aos sinais do veículo. Se o volante estiver trepidando ou direção puxando para os lados, faça uma revisão o quanto antes! A utilização do carro nessas condições vai levar a um desgaste prematuro do pneu, comprometendo seu desempenho e também a segurança do veículo.

Deixe Seu Comentário