Formulário + Botão Guia+ Desktop

Formulário + Botão Guia+ Mobile

Canoinhas prepara contratação emergencial para administrar rotativo

Jornal Correio do Norte

Processo licitatório, segundo vice-prefeito Renato Pike, deve ficar para o ano que vem                                              

 

Pensando nas festas de fim de ano, quando aumenta o fluxo de veículos pelo centro da cidade, a prefeitura de Canoinhas deve abrir contratação emergencial para escolher uma empresa que deve administrar o estacionamento rotativo até que o processo licitatório que deve ser aberto nos próximos dias seja concluído. Segundo o vice-prefeito, Renato Pike (PR), o processo licitatório não deve ser concluído antes de 60 dias. Já a contratação emergencial é imediata.

 

 

Com a concorrência pública, três empresas apresentam propostas de exploração do rotativo em envelopes fechados. A que apresentar a melhor proposta em termos de custo e benefícios vence o processo e tem licença imediata para explorar o serviço. Isso impede, no momento, a modernização do sistema, que o Município deve exigir no edital.



 

 

O contrato inicial será de 45 dias prorrogáveis por mais 45 dias. O processo deve ser deflagrado na próxima semana.

 

 

No edital de licitação, que já está praticamente pronto, o Município prevê instalação de  parquímetro e recarga por telefone celular, entre outras exigências, explica Pike.

Deixe Seu Comentário