Formulário + Botão Guia+ Desktop

Formulário + Botão Guia+ Mobile

Assassino confessa ter matado por causa de dívida de R$ 20 em Canoinhas

Eder Pereira, 21 anos, se apresentou na Delegacia de Canoinhas na tarde deste sábado, 19, e confessou ter assassinado Sandro de Almeida, de 26 anos, com um golpe de faca, segundo ele, no braço da vítima. Eder disse que agiu em legítima defesa, já que a vítima o teria agredido dentro de sua casa por causa de uma dívida de R$ 20 relacionada a compra de uma motocicleta. Segundo o delegado regional Wagner Meirelles, o acusado foi ouvido e liberado em seguida. “Ele não negou a autoria e respondeu a todas as perguntas sem embaraço”, disse o delegado.

Eder deve responder ao inquérito policial em liberdade. Posteriormente deve ir à júri popular.

Sandro foi assassinado na noite desta sexta-feira, 18, no bairro São Marcos, em Canoinhas. Testemunhas disseram que os dois discutiram e Eder teria esfaqueado Sandro, que ainda correu, mas caiu uma quadra adiante. Ele foi socorrido pelos bombeiros, mas acabou morrendo ao dar entrada no Pronto Atendimento Municipal. Apesar de Eder dizer que esfaqueou a vítima no braço, uma testemunha afirma que o golpe foi no peito. O laudo pericial ainda não foi concluído.

 

Deixe Seu Comentário