Formulário + Botão Guia+ Desktop

Formulário + Botão Guia+ Mobile

Alunos recebem certificados do Projeto Sanitarista Júnior da Cidasc

Participantes do projeto juntamente com profissionais da Cidasc e Epagri. Rodrigo Melo /Divulgação

Profissionais dos órgãos envolvidos também auxiliaram na promoção do projeto com a realização de palestras

 

 

 

Desenvolvido na EBM Francisco Rocha em São João dos Cavalheiros, no interior de Três Barras, o Projeto Sanitarista Júnior da Cidasc encerrou as atividades desse ano na manhã de quarta-feira, 06, com a entrega de certificados aos participantes.

 

 

Através da parceria firmada entre o departamento regional da Cidasc, a gerência regional da Epagri e a prefeitura, por meio da secretaria de Educação, Cultura e Esporte, o projeto atendeu 23 estudantes do 6° ano do ensino fundamental.

 

 

Tendo como base cartilha educativa da Cidasc, as professoras Elenice Pereira (Língua Portuguesa) e Gizele Corrêa (Ciências) trabalharam o conteúdo em sala, alinhando o conhecimento teórico à prática cotidiana dos próprios alunos. “Por se tratar de uma escola rural e pelo fato das crianças vivenciarem os ensinamentos do projeto no dia a dia, esperamos que ele possa ter sequência no próximo ano”, frisou Elenice.

 

 

A entrega dos certificados foi acompanhada pelo gestor regional da Cidasc, Miguel Cardoso; pela engenheira agrônoma e responsável pela área vegetal e pelo Projeto Sanitarista Júnior na região, Maritza Martins Mansani; pela médica veterinária da Cidasc Thaísa Magalhães Teles; pelo engenheiro agrônomo da Epagri, Juliano Oliveira e pela diretora da escola, Ana Cristina Seben Alves de Souza.



 

 

Presente ao evento, secretário de Educação Antônio Tsunoda classificou a parceria como necessária para auxiliar o governo do município no fortalecimento da agropecuária. “Que o conteúdo adquirido vocês possam levar aos seus pais”, disse aos estudantes.

 

 

O PROJETO

Por meio da educação, o projeto visa promover mudanças de atitudes e comportamentos frente aos problemas sanitários agropecuários desde a escola, melhorando direta e indiretamente a saúde das pessoas, dos animais, das plantas e do meio ambiente.

 

 

Fora Três Barras, o departamento regional da Cidasc também desenvolve o projeto em 15 escolas de Canoinhas, englobando 240 estudantes, e também em cinco escolas de Irineópolis, nas quais são atendidas 172 crianças.

 

 

Para mais informações acesse: www.tresbarras.sc.gov.br/noticias

Deixe Seu Comentário