Formulário + Botão Guia+ Desktop

Formulário + Botão Guia+ Mobile

Acusado de matar namorada no PR é preso em Porto União

Acusado do crime/Rádio Colmeia

Odete dos Santos, 54 anos, foi encontrada morta debaixo de sua cama, em Paranaguá                                                   

 

Foi preso na tarde de sábado, 11, em Porto União, o provável autor do assassinato de Odete dos Santos, 54 anos, encontrada morta em sua casa, no bairro Emboguaçu, na manhã do mesmo sábado em Paranaguá (PR).

 

 

O homem de 33 anos que não teve o nome revelado pela Polícia, estava abastecendo a motocicleta que pertencia à vítima em um posto de combustíveis no bairro São Pedro, na cidade catarinense, quando foi abordado pela Polícia Militar.

 

 

Ao constatar que a motocicleta estava com alerta de furto, os PMs encaminharam o suspeito para a Delegacia de Polícia, pensando tratar-se apenas de uma ocorrência de furto, mas ao chegarem na Delegacia verificaram que a ocorrência estava relacionada ao crime que comoveu a cidade de Paranaguá.

 

 



CELULAR DA VÍTIMA
No momento em que os PMs se preparavam para registrar a recuperação da motocicleta, o celular que estava em poder do suspeito tocou. Um dos policiais atendeu a ligação. Era o irmão de Odete. A partir daí tudo começou a ser esclarecido.

 

 

O acusado era namorado de Odete. Ela foi assassinada em sua casa, na rua marginal à Avenida Ayrton Senna, bairro Emboguaçu, em Paranaguá. A descoberta do corpo dela foi feita pelo pai, por volta das 8h30 da manhã deste sábado, 11. O acusado nega, mas para a Polícia não há dúvidas de que ele tenha matado a namorada e roubado sua motocicleta na fuga.

 

 

Segundo informações do pai da vítima, o corpo de Odete estava embaixo da sua cama e com marcas de agressões físicas. Provavelmente ela deve ter sido agredida com pauladas ou com uma barra de ferro.

 

 

As informações são do site Agora Litoral.

Deixe Seu Comentário